domingo, 8 de março de 2009

Ensaio sobre a separacao


Lembro-me de uma vez ao ler uma entrevista da Reese Whitherspoon em que ela falava sobre o fim do seu casamento. Segundo a atriz ao perceber que seu relacionamento tinha mesmo acabado ela teve uma crise de choro e gritos dentro do seu carro num estacionamento de um supermercado.

Pois estou passando pelo mesmo que Reese passou. Meu noivo encerrou nosso relacionamento de tres anos ha tres dias atras. Como motivo do fim, entre varias coisas, ele alegou que nao temos um planos de vida juntos, pois eu quero voltar a morar no Brasil e ele tem vontade de voltar para seu Pais de origem a Africa do Sul.

Ele nao e vagabundo, sem consideracao ou sacana. Nunca foi e nao vai se tornar agora com o fim. No fundo ele e uma pessoa complexa e confusa, assim como eu.

Como moramos na mesma casa eu fiquei de sair do apartamento quando conseguir me reorganizar. Me reorganizar neste caso significa arranjar um lugar para morar e um novo emprego aqui em Londres, isso caso eu continue morando aqui e nao volte para o Brasil.

Ja chorei o dia inteiro, ja fiquei sem comer, ja passei dois dias so dormindo. Sei que essa tristeza vai passar em algum momento, mas enquanto ela nao passa estou sofrendo.

O fim de um relacionamento significa o fim de uma fase da vida, o fim de um sonho e o fim de um plano. A vida continua claro, mas atualmente com um gostinho bem amargo na boca.

47 comentários:

Luana Memê disse...

Lari!

Sinto muito que você tenha que passar por TUDO ISSO agora.

Deus sabe o que faz! Tenho certeza que Ele abrirá outra porta para você.

Numa hora dessas, não há problema algum em chorar!

Grande beijo!

Fefeh B. disse...

Poxa.. Melhoras pra você, espero que passe logo, de verdade!

Nine disse...

Essas coisas da vida, pelas quais a gente passa, e de verdade, desejaríamos nunca precisar passar... não é, Larissa. Mas o tempo - como muito se ouve ou se lê - é o melhor dos remédios. Desde que não tome nenhuma decisão de cabeça cheia de fantasminhas, já é uma grande coisa. Quando a dor passar, e ficar só aquela sombrinha, aquela impressão suave de que alguma coisa aconteceu, aí tu terás muito mais coisas bacanas pra fazer, e nem te lembrarás do que aconteceu. Somos mulheres, afinal, sempre conseguimos dar a volta por cima. Coragem, menina!!! Viva seus sentimentos com toda força agora, chore se preciso, durma para espantar os maus sentimentos, e quando sentir que está aliviada, corra pra rua, tome sol, brisa... um café delicioso, que dizem que os melhores estão aí, e tudo vai passar. E só então tu vai poder pensar no que fazer, nos passos a tomar. ok.

Beijos com carinho. Fica bem!

peledepessego disse...

Poxa, sou leitora daqui e é difícil tentar compreender o que se passa no momento.
Bom, chorar nessas horas faz bem, poe pra fora!
Que voce melhore e consiga superar o fim dessa fase e possa iniciar uma nova com o pé direito.
Um beijo

Anônimo disse...

Oi Lari, e, eu que esperava neste dia "Internacional da Mulher", u post "daqueles", realmente, veio ... só que ao contrário.
Com certeza, vocês tomarão rumos corretos, se é o que cada um deseja em voltar para seu país.
Chorar é o melhor remédio, logo a poeira há de abaixar!!!
Beijos ...
Eliana.

Ju disse...

Oi Lari! Sinto muitíssimo. O processo é doloroso, mas vc vai superar. Deus tem o MELHOR reservado para vc. Acredite nisso. "Levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima!" Um grande abraço virtual com muito carinho!

Anônimo disse...

Larissa,
Que hoje dia internacional da mulher seja para você também um dia de recomeços. Mulheres valentes do século 21, valentes como você jamais sucumbem.Com certeza você tomará a decisão correta,concentre-se agora nos seus objetivos profissionais e siga em frente, and the most important thing, there´s so much enjoyment waiting for you and so much fun to be have, you are still very young and beautiful. And remember what Scarlet O´Hara said in Gone with the Wind "After all tomorrow is another day!!"
Be brave!!
Parabéns pelo seu dia!!
Beijão
Dante

Bellita disse...

Ow, querida, sinto muito pelo que aconteceu, ou vem acontecendo. Sei,por experiencia prórpria que nessas horas não adiantam conselhos ou palavras de força. Eles são ótimos, mas não fazem a dor passar. E a dor, a gente sabe que passa. Mas a gente quer saber QUANDO passa e ansiamos que este quando seja LOGO, JÁ. Nao vou ser hipocrita e dizer: estou aqui, se vc precisar... pois vc nem me conhece... mas tenho certeza que voce temum bocado de amigos prontos pra te estender a mão, o braço e o que mais você precisar.
Muita paz e serenidade nessa hora!
Um grande beijo!
Isa

Anônimo disse...

Olá!É a primeira vez que eu comento, embora leia o blog diariamente. Depois do fim de um relacionamento a gente entra num período de luto, e cada um tem um tempo pra se recuperar.Pode parecer piegas, mas depois da tempestade vem o arco-íris.Força garota.
Bjo
Roberta

Anônimo disse...

Oi Larissa!
Também sou uma das que passam aqui todos os dias para ver as novidades, e nunca deixa um comentário. Hoje me senti obrigada a escrever e demonstrar minha admiração pelo seu ¨trabalho¨.
Força! Às vezes acontecem coisas em nossas vidas que só poderemos compreender depois que já passaram.
Não nos abandone, viu!
Beijo carinhoso
Geane

Lorena Colares disse...

Não vou dizer que imagino o que vc deve estar passando, pq eu realmente só nós mesmas sabemos o que passa em nós.
Só posso te desejar força pra superar e pedir que Deus te abençoe infinitamente. Creia que Ele mosrtrará o caminho a seguir.
Força e Fé!

Bjo

TiedyePoa disse...

Olha, guria, sinto muito mesmo. Mas talvez ele tenha razão, se vocês não têm um plano de vida juntos, talvez seja melhor passar por isso agora. Ou talvez isso seja o momento de traçarem um plano juntos. De qualquer forma, toda força do mundo pra ti. Bjs

Paula SweetestPerson disse...

flor,
muita calma nessA hora!
dói muito e demora pra passar,mas um dia,passa,pq tuuudo passa!
qqr coisa, grita.
sweetbeijos

Marcella disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Marcella disse...

Espero que vc melhore...nada como o tempo...pode ter certeza! Qdo estamos vivendo um momento ruim parece que ele nunca vai passar, que vamos viver triste eternamente...mas te garanto que passa!!
Espero de coração que vc fique bem...e parabéns pra gente pelo dia de hoje!!!!
bjsssss

Roberta disse...

Puxa Larissa, sinto muito mesmo! Espero que tudo melhore pra vc! Muita força para vc se recuperar e enfrentar essa nova fase da sua vida, que tenho certeza, tb lhe trará muitas coisas boas!

Joana Borges disse...

Oi Larissa! Apesar de nunca ter comentado no seu blog, sempre o acompanho.
Decidi escrever apenas para te desejar força. Você já é uma corajosa de abrir o seu coração aqui. Eu passei pelo mesmo que você, mas fui eu quem decidiu terminar. O namoro era de 4 anos. Sofri tanto, tanto, tanto, tanto, que não desejo pra ninguém e nem quero passar novamente pela mesma situação. É como se os nossos sonhos fossem por água abaixo, mas ninguém tem como prever o tempo que o amor vai durar, né?
Me sinto triste até hoje por não ter conseguido lutar pela "revitalização" do amor. Mas a vida é assim mesmo. E coisas boas estarão por vir!
Força, sorte e sucesso!
Beijos, Jô.

Esther Mara disse...

Oi, Lari,

Não vou perguntar como você está... Não vou dizer que sei o que você está sentindo, porque nesses momentos só a gente mesmo é que sabe o quanto dói...

Só vou dizer que você pode contar com todo o meu apoio e tenho certeza de que com todas as meninas do blog também!

Força!

Beijo imenso!

Débora disse...

Força nesse momento difícil para encontrar o equilíbrio.
Com certeza muitos dias felizes ainda estão reservados para você.
Um beijo, na torcida que essa fase passe logo
Deb

Anônimo disse...

Larissa,
Te admiro imensamente e sei que independente de quão forte seja uma pessoa não tem como não desmoronar. Não adianta falar que isso vai passar, que de fora temos uma visão da coisa e de dentro outra, que vc é maravilhosa... O que te digo é que vc está passando por mais uma fase, esse ciclo deve ser vivido, a dor, a raiva, o questionamento, a duvida, tudo. E desse processo vc sairá, e aí ficará bem. Quem já passou por isso sabe, mas só sabemos disso depois.
Até esse "depois" chegar, sinta e viva o que vc puder, só vc e sua dor podem te ajudar a reerguer e nós, é claro, estaremos aqui pra te dar colo e te oferecer o ombro, sempre tá!
Chin up!
Beijo grande e muito desejo de alegria
Renata Sabino

Denise Lopes disse...

Larissa,
não sei se já comentei no seu blog, mas sempre venho e hoje me identifiquei contigo. Não estou terminando uma relação, mas estou em um momento difícil e tenho muita dificuldade em me abrir, como vc fez aqui.
Rezo por ti e especialmente neste dia desejo que toda esta força que vc está recebendo do universo feminino que te lê te permita reeguer-se, dar a volta por cima e recomeçar!
Forte abraço,
Denise

Bia disse...

Lari, não existe uma receita de como passar tranquila por um momento desses, cada vez é diferente e a gente sempre sofre. E isso é importante, chorar, gritar, estristecer, para depois renascer e para isso o tempo se torma o melhor aliado.
Quero que saiba que pode contar comigo para o que precisar e prometo que vou tentar estar aqui qdo você aqui estiver, assim a gente sai para tomar um cafe!
Beijo

livia disse...

eu também sou mais uma que sempre passa por aqui e nunca comenta..
estamos todas torcendo pra que você fique bem logo. e como você mesma disse, isso vai passar. o tempo cura qualquer ferida.
tudo de bom pra você, querida.
beijos

Marina disse...

Lari, tem uma coisa que você nunca vai perder: os amigos! :)
estaremos sempre contigo pro que precisar, nas horas boas ou ruins! nos vemos em breve, beijos!

Anônimo disse...

Olá. Estou passando por isso nesse momento (no meu caso, faz 5 dias). Sempre leio o seu blog,mas nunca comentei. Hoje, senti vontade de tentar confortá-la com um texto que me enviaram. Boa sorte.

Viver não dói

Definitivo, como tudo o que é simples. Nossa dor não advém das coisas vividas, mas das coisas que foram sonhadas e não se cumpriram. Por que sofremos tanto por amor? O certo seria a gente não sofrer, apenas agradecer por termos conhecido uma pessoa tão bacana, que gerou em nós um sentimento intenso e que nos fez companhia por um tempo razoável, um tempo feliz.
Sofremos por quê?

Porque automaticamente esquecemos o que foi desfrutado e passamos a sofrer pelas nossas projeções irrealizadas, por todas as cidades que gostaríamos de ter conhecido ao lado do nosso amor e não conhecemos, por todos os filhos que gostaríamos de ter tido junto e não tivemos, por todos os shows e livros e silêncios que gostaríamos de ter compartilhado, e não compartilhamos.

Por todos os beijos cancelados, pela eternidade. Sofremos não porque nosso trabalho é desgastante e paga pouco, mas por todas as horas livres que deixamos de ter para ir ao cinema, para conversar com um amigo, para nadar, para namorar.

Sofremos não porque nossa mãe é impaciente conosco, mas por todos os momentos em que poderíamos estar confidenciando a ela nossas mais profundas angústias, se ela estivesse interessada em nos compreender.

Sofremos não porque nosso time perdeu, mas pela euforia sufocada. Sofremos não porque envelhecemos, mas porque o futuro está sendo confiscado de nós, impedindo assim que mil aventuras nos aconteçam, todas aquelas com as quais sonhamos e nunca chegamos a experimentar.

Como aliviar a dor do que não foi vivido? A resposta é simples como um verso: Se iludindo menos e vivendo mais!!!A cada dia que vivo, mais me convenço de que o desperdício da vida está no amor que não damos, nas forças que não usamos, na prudência egoísta que nada arrisca, e que, esquivando-se do sofrimento, perdemos também a felicidade.
A dor é inevitável. O sofrimento é opcional.

Carlos Drummond de Andrade

Carol disse...

Larisa...sei que nem te conheço mas gostaria de te dizer que são só nesses momentos que descobrimos quem verdadeiramente somos, o que de fato amamos e o que é importante na nossa vida. Siga o seu coração...chore tudo o que tem pra chorar mas combine consigo mesma um prazo pra se levantar...
Que Deus te abençoe ricamente te dando força e ânimo para poder entender as lições que neste momento a vida quer te dar.
Grande abraço.

Carolina Corrêa disse...

TUDO na vida passa, e o tempo é o melhor remédio...
O sonho não acabou; não é porque com essa pessoa não vai dar certo que ele não existe mais.
Cabeça erguida, que TODO MUNDO passa por isso!

Gleyda Cordeiro disse...

Puxa, Larissa, sinto muito. Nessas horas nada do que a gente diga pode diminuir tua tristeza,mas acredite que eu (e todas as pessoas que te acompanham aqui no blog) estou torcendo para que você supere esse momento. Espero também que você saia dessa ainda mais forte e com mais maturidade, porque tudo isso é ruim,mas nos fortalece.
Eu sei que não temos proximidade,mas qualquer coisa,pode contar comigo.

Paula disse...

Lari, a Marina tinha me contado o que aconteceu com você. Eu sei que é difícil agora, é normal sofrer. Mas sei também o quanto você é forte (sempre te admirei por isso), principalmente nesses aspectos "amorosos". Fique forte e saiba que tem um monte de gente torcendo pra que vc seja feliz, sempre. Estamos te esperando de braços abertos aqui, prometo que faremos várias coisas legais e vc vai se divertir horrores! Qualquer problema, grite!
Beijos,
Paula

Juliana disse...

Poxa Lari..
Isso deve ser horrível.
3 anos é muito tempo!
Tenho certeza que pode demorar, mas tudo vai passar.. com certeza um novo começo ajuda bastante!
Melhoras e um bom começo pra ti =)
beijos!

disse...

Lari
Olha só quantas pessoas queridas aqui que te admiram só pelo seu trabalho! Só pelo o que vc escreve aqui!
Isso tudo vai passar e você ainda vai ser muito feliz. Tenha certeza disso.
Estamos aqui para o que precisar.
Só precisa ser MUITO forte durante essa fase ruim.

bjs

Juliana Rodrigues disse...

Lari!
Tenha certeza que o tempo aliviara essa dor até ela acabar. Admiro sua coragem de postar aqui tudo isso, mas imagino que tantas palavras lindas tb possam te ajudar, né? Pode acreditar que há males que vem para bem e de repente o que está guardado para você de verdade, já esteja para "aparecer"... FORÇA E MUITA LUZ!
Ju
http://www.allbyju.blogspot.com/

Nadja disse...

Lari,

Espero sinceramente que você se recupere o mais rápido possivel desta situação.

Já passei por algo semelhante pois ja fui casada e me separei.
Sei o quanto eh doloroso.
Mas as vezes há males que vem para bem não é mesmo?

Fique bem, ocupe bastante o seu dia e continue com este trabalho maravilhoso no blog!

Mil beijos de alguem que nao te conhece pessoalmente mas gosta muito de vc :)

Nadja

Nadja disse...

ahh qdo vc tiver com a cabeça mais fresca..mais tranquila, me da um alo p dizer se vc postou as coisas pra mim.. obrigada! bjs

Fernanda disse...

Eu, como boa preguiçosa, comento muito pouco por aqui, mas leio sempre..tenho esse blog como um dos meus favoritos e tb esperava uma msg diferente do dia da mulher..tomei um susto..tb passei por um "baque" dias atrás, uma decepção. Só que no meu caso, o infeliz não foi homem suficiente sabe? entao, diferente de vc, ele foi mto sacana comigo.
Só te digo pra ter força, fé em Deus..pq as coisas parecem ser ruins a princípio..mas no final tudo se ajeita. É somente uma fase ruim (minha, sua e de tantas mulheres) e que vai passar!
Força..um gde bjo
Fernanda!

Marcela Flores disse...

Lari,

nunca postei, mas acompanho seu blog sempre. Queria poder te falar que vai ser fácil, mas estaria mentindo... mas o tempo é o melhor remédio (a frase é cliché, mas é verdadeira). Sempre que precisar desabafar escreva aqui para a gente poder te dar força e você saber que tem um monte de amigas virtuais que não passam um dia sem dar uma espiadinha no blog. Bjs.

Milena. Só. disse...

Bom, a gente só trocou alguns emails sobre esmaltes e bases, então não dá p/ dizer que te conheço, mas admiro a coragem de abrir tudo isso num blog, e ajudando ou não, espero que saiba que de longe torço p/ vc ser muito feliz, viu? Independente do que acontecer agora, ou daqui p/ frente!

Abraços e força!

Shirley disse...

Lari,
Querida, nada do que qualquer pessoa diga vai diminuir sua dor agora, mas tenha certeza, a cada dia que passar ela será menor e um dia desses vc levantará da cama e perceberá que seu luto passou.
Se precisar conversar, estou por aqui.
Beijos e muita força!
Vai passar e quando passar vc sairá disto tudo mais forte.

Fabíola disse...

Larissa,
realmente é um momento muuuuuito difícil. E não adianta falar que vai passar, porque por mais que a gente saiba disso, não dá pra acreditar nesse momento. A única coisa a fazer é acreditar que Deus sempre faz o melhor!!! Se precisar de qualquer coisa, pode contar comigo!!
Abraço grande!
Fabíola

Lígia disse...

Oi, não te conheço mas leio sempre o seu blog!!!
Desejo de coração que você supere essa fase difícil que você passa!!!
Beijos!

Letícia Ribeiro disse...

Oi, Larissa

Poxa, sinto muito por vc! Nessas horas o melhor e chorar e colocar tudo pra fora mesmo. O tempo cura tudo, pode ate demorar mas vai passar!
Fique bem!

Um grande beijo,
Leticia

Anônimo disse...

s/d




Aquele namorado que tinha
um nome bom: há quanto tempo foi?
A vida resvalante como gelo
e aquele namorado de nome bom
e férias, ficou perdido em luz,
mais de vinte anos.
Deu-me uma vez na mão
um beijo resvalante à hora de deitar
e na pensão. Mas tinha um nome bom.
Falava de cinema e calçava de azul
e um bigode curtinho,
que escorregou aceso como gelo
no centro da pensão.
Rasguei as cartas dele
há quinze anos, em dia de gavetas
e de luz, e nem fotografia me ficou
de desarrumação. Mas tinha um nome bom,
falava de cinema e calçava de azul
e resvalou-me quente como gelo
à hora de deitar:
um namorado sem falar
de amor
(que a timidez maior
e o quarto dos meus pais
nessa pensão
no mesmo corredor)

Ana Luísa Amaral

Helena disse...

Querida, quando vc chegar aqui, vou te dar um abraço beeemmm forte. Eu já passei por isso, exatamente a mesma situação. Também tive que sair do apartamento que era dele e voltei pra cidade onde morava antes. E isso foi só o começo de um período horrível de vai e volta, que eu coloquei um ponto final quando vi que só estava mantendo a relação por comodismo. E ao contrário do seu ex, o meu era um cachorro! Eu não sei se vc conhece mais brasileiras por aí, eu tenho uma amiga, uma fofa, fez faculdade comigo. Se precisar de uma amiga brasileira, te passo o link dela no orkut. Isso vai doer, chore, fique sozinha, triste, mas deixe tudo sair agora. Logo vc melhora e vai ver que não sentirá falta dele. NENHUM HOMEM É INSUBISTITUÍVEL!Sempre tem um melhor, SEMPRE. Aproveite que vc tá aí em Londres e se joga. Vá dançar nos clubs, use makes diferentes, roupas diferentes, corte o cabelo, arrume um trabalho que vc goste mais, arrume novos amigos, vá a lugares novos... se voltar ao Brasil, tá cheia de novas amigas prontas a te dar um ombro amigo e te levar pra balada!!
Quando se der conta,nem estará pensando no ex. Beijos e fique bem.

Girl On the Rocks disse...

Que coisa mais complicada.
A vida tem de seguir, mas ainda assim é mto complicado e além do nosso entendimento.
Força, Larissa!
Muitos pensamentos positivos aqui do outro lado do oceano!
Bjs
Dri

MICHELINE MACÊDO disse...

Nossa, desde o ano passado muitas amigas minhas ficaram com esse gosto amargo na boca, esse sono que não acaba ou a insônia direta, mesclas de choro e falta de vontade de pensar no que fazer por si mesmas... sofri com cada uma delas. Mas te digo de coração Kerou, todas, eu disse tooooooooooodas elas, estão inteiras, com novos projetos e é claro novas prioridades, querendo se colocar no topo da sua importância pessoal (pois isso é um exercício, sempre a gente coloca alguém na nossa frente). Portanto aquele jargão "vai passar", é real! Não sou iludida e sei que posso passar por isso amanhã como há 10 anos, e que o sofrimento não se mede por anos rodados feito carro,mas pelo apego que vc tem a pessoa que convivia, por isso desde então, eu treino todos os dias pra me dar a importância e valor supremo, no meu raking de vida! Boa sorte pra você, viu? Beijão.

Priscila B. disse...

Bah, Lari, que ruim.. Eu sei que nessas horas dá a impressão de que a tristeza não vai passar, mas passa sim.. e chorar ajuda mesmo, viu? Pelo menos comigo foi assim há alguns anos atrás..
Só vi agora esse teu post.. desculpa!
beijinhos

Adriana disse...

LARI QUERIDA, TUDO MELHOR??
ESPERO QUE SIM! SEMPRE PARA MELHOR, ESMO QUE OS CAMINHO SSEJAM TORTUOSOS...
SENTIMENTO É ALGO MUITO FORTE, QUE MEXE MESMO.
NÃO SEI DE VC AGORA, DE SUA MORADA TETO E/OU SUA MORADA CORAÇÃO... MAS APRENDI COM A VIDA QUE MUITAS VEZES PASSAMOS ALGO RUIM PARA ENTENDERMOS OU RECONHECERMOS ALGO DO FUTURO, QUANDO ESTAREMOS MAIS PREPARADAS.
DESEJO A VC QUE RECONHEÇA SEUS SENTIMENTOS, TRAJETOS, PLANOS, OBJETIVOS, SONHOS, TEORIAS E ATITUDES NA BUSCA DE UMA REALIDADE MAIS FELIZ, POIS ESTA VIDA NÃO EM A MENOR GRAÇA TRISTE, PARA BAIXO.
SOU UMA MULHER APAIXONADA PELO MEU MARIDO E ACREDITO NUMA VIDA FELIZ A DOIS PARA MIM E PARA TODO MUNDO.
SEU DIA DE RAINHA VAI CHEGAR! APOSTO E ACREDITO NISTO!
ESPERO QUE ESTEJA VIVENDO DIAS MELHORES E MAIS FELIZES.
BJS QUERIDA.
ADRIANA RODRIGUES.