quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Vaseline Lip Therapy Rosy Lips

Nao e de hoje que encontro a seguinte frase em alguns cosmeticos: Doesn't contain petrolatum. Mas o que e exatamente este ingrediente? Petrolatum, tambem conhecido como petroleum jelly, e o gel formado a partir da destilacao do petroleo.

De acordo com a organizacao americana, Environmental Workign Group (EWG), um em cada 14 cosmeticos contem petrolatum em sua composicao, sendo que 15% dos batons e 40% dos hidratantes e oleos corporais o contem em sua formula.

O petrolatum cria uma barreira de protecao contra a umidade e o vento, permitindo que a pele faca a sua propria regeneracao. Ou seja, e o ingrediente perfeito para assaduras de bebes, labios rachados, pele ressecada, entre outros.

Mas se o petrolatum ajuda a pele a se regenerar, porque tantos cosmeticos estao batendo na tecla do petrolatum free? Isto porque alguns estudos indicaram que o uso do petrolatum nao devidamente refinado contem PAHS, ingrediente que pode causar cancer.

Apesar de nenhum desses estudos terem sido aceitos como prova da relacao entre petrolatum e cancer, algumas empresas resolveram utilizar outras formas de oleo como os de coco, oliveiras e de girassol.

Pessoalmente eu nao vejo mal em cosmeticos que contem petrolatum, uma vez que eles sao aprovados pelo governo e dou meu voto de confianca de que sao refinados corretamente. Acho que existe uma grande diferenca entre o petrolatum, que protege a pele, e o aluminum em desodorantes que nao permite que a pele transpire e obviamente respire.

Alias, eu acho que esta discussao do uso de petrolatum em cosmeticos e muito importante, pois mostra as industrias que os consumidores estao muito mais informados sobre ingredientes do que ha 30 anos atras. Gostaria muito de saber a sua opiniao sobre este assunto polemico. Voce evita usar cosmeticos que contem petrolatum na formula?

O produto que irei analisar hoje e o Vaseline Lip Therapy, que tem contem em sua formula petrolatum, oleo de amendoas e oleo de rosas. Sera que ele protege os labios?

Produto: Lip Therapy Rosy Lips

Marca: Vaseline

Promessa: Our lips have an amazing ability to experience heightened sensations, allowing us to feel the slightest of touch and sense the environment around us. However, unlike body skin, the skin on our lips does not naturally create its own moisture layer, leaving it susceptible to dryness and chapping.Vaseline's stylish, functional Lip Therapy tins with their original retro look are perfect to help keep lips healthy and protected from the elements. Rosy Lips brings out the natural rosy tones in your lips by soothing and gently tinting.

Veredicto: Um produto com otima relacao custo/beneficio.
A textura deste produto e leve e realmente alivia os labios rachados. No momento que escrevo esta resenha o clima na Inglaterra esta abaixo de 0 graus e meus labios estao precisando de hidratante o tempo todo. O bacana e que a latinha vem com muito produto e um pouquinho que voce aplica ja rende bastante.
Esta opcao do Lip Therapy tem uma corzinha levemente rosada, que colore os labios discretamente. Sabe aquela corzinha de labios saudaveis? Bem esta!
A unica critica que tenho a este produto e que tenho a impressao que ele nao dura muito nos labios, portanto voce acaba tendo que reaplica-lo com alguma frequencia.

Nota: 9

Preco: £1.50

10 comentários:

angela disse...

É isso aí, é preciso confiar, mas sempre desconfiando :)
Hoje em dia estamos muito mais informadas e atentas à qualidade dos produtos e à nossa saúde.

Danielle disse...

Deu muita vontade de passar rsrsr.Ta tendo sorteio no meu blog, Kit da Natura Una bjs www.danimaalouli.com.br

Carol disse...

Eu nem sabia disso, mais um alerta :)

Será que se fosse tão perigoso assim, o comércio seria permitido? Vamos combinar que americano é cheio de neura, né! Mas enfim, igual disse a amiga no outro comentário, é confiar desconfiando!

beijos

zúlea disse...

La, querida
(porque apesar de nunca ter comentado, eu assino os feeds do blog e já me sinto íntima, haha).
Bom, por acompanhar o blog pelos feeds, eu acabo deixando de comentar, mas sei que é legal ter um feedback das pessoas que estão lendo. Adoro ler as resenhas, e como vou pra Londres mês que vem e já tô naqueeela ansiedade, fico lendo sobre todos os produtos que vendem por aí e só fazendo a listinha de compras. Tá me ajudando bastante a já ir me planejando =)

Valeu mesmo :)
Abraço,
Júlia.

Raquel Santos disse...

oi. penso que produtos à base de óleo mineral ( petroleo) devem ser usados com cuidado pois em excesso podem provocar uma acção comedogénica. Já os óleos vegetais (coco, jojoba, oliva, andiroba e por aí vai) respeitam muito mais a epiderme, sem bloquear os poros. eu própria já tive que usar vaselina pura com um outro produto antibiotico para tratar um problema de pele, mas só. Para tratar os lábios como esse produto referido e pequenos locais do corpo como cotovelos e joelhos me parece bem o uso de produtos à base de petróleo refinado. Em hidratantes de rosto e corpo prefiro sem dúvida bases cosméticas de óleos vegetais.
adoro o seu blog!
bjos

Anônimo disse...

Eu uso um lip balm da Badger Balm, de ginger&lemon, que eh em latinha tambem, acho maravilhoso, dura horrores, o gosto eh otimo e eh natural. Tem ai na inglaterra. O problema de passar petrolatum nos labios eh que vc acaba ingerindo...

Pedro disse...

Gostei nuito do post e do tom cético em relação ao alarmismo em torno do petrolato/óleo mineral. Eu uso petrolato/óleo mineral porque até hoje nenhum estudo demonstrou que ele possa ser perigoso. Pelo contrário, é considerado pelos cientistas como uma das substâncias mais seguras que existem. O petrolato não é absorvido pela pele, o que significa que, em geral, ele causa menos alergias do que óleos vegetais.

Como tu mesma escreveste, os estudos que mostram que o petrolato pode ser perigoso estão relacionados ao petrolato não refinado, contaminado com outras substâncias. Mas qualquer coisa contaminada com outras substâncias com outras substâncias pode ser perigosa, inclusive a água do nosso dia a dia.

Em verdade, óleo mineral é tão seguro que é permitido pelo FDA, dentro de determinadas concentrações, até para ser usado em alimentos e medicamentos.

A ONG EWG infelizmente não é séria e tem conflitos de interesses com diversas outras empresas.

Dois artigos que recomendo sobre o petrolato/óleo mineral:

http://thebeautybrains.com/2006/10/08/does-petroleum-jelly-cause-cancer/

http://www.cosmeticsinfo.org/ingredient_details.php?ingredient_id=150

Adriana disse...

Querida LARI,

Vc me inspirou a ficar viciadinha em lip balm e já tenho vários que adooooro, graças a este blog e ao seu vídeo sobre o tema. Obrigada, meus lábios agradecem!! Rs rs rs

Uso há anos produtos a base de petrolato, de óleo em gel infantil (J&J) a lip balm (váááários)e nunca tive problemas. Só benefícios!
Muitas marcas conceituadas usam este componente e vendem beeem. Acredito que as pesquisas liberaram o uso deste agente, pois devem ser dignas de respeito e confiança, em todo o mundo.

Este lip balm eu ainda não experimentei e parece bem
custo X benefício, sem contar que tem uma cor rosada e fofa e deve ser bem hidratante.

Se joguem meninas, os lábios agradecem. Sem neuras. Problema é ficar com os lábios rachados... é sabido que a falta de (bons)cuidados com os lábios, bem como a boca dá cancer tb.

BJSSS guria!!

Larissa disse...

Adriana,
que legal saber que depois que voce le o Blog voce passou a cuidar ainda mais dos seus labios! Cuidado e sempre importante! :)

Zuela,
se voce tiver um tempinho livre me avise para nos encontrarmos para um cafe da tarde ingles em Londres.

Pedro,
os links que voce indicou sao bastante interessantes!

Vanessa disse...

Apenas corrigindo a Raquel: não é porque o produto é derivado de petróleo que ele entope poros e o natural não, não existe nenhuma correlação lógica nesse argumento.
Isso é papo de indústria natureba que quer vender mais.

O tão mal falado óleo mineral sempre é visto como vilão, mas o grau de comedogenicidade dele é zero. Esse grau vai de 0 a 5, sendo que quanto maior, maior as chances de entupir os poros. Ou seja, o óleo mineral é um dos mais seguros para evitar problemas na pele, e não o contrário!

Olha, eu sou Eng. Química, acho muito difícil a indústria cosmética utilizar petrolatum porcamente refinado havendo o refinado à disposição, o pessoal da indústria cosmética costuma ter bastate cuidado na seleção de matéria primas (mais até que a indústria de alimentos, já ouvi cada barbaridade nesse meio que dá até uma certa paranóia).